Por muitas vezes manter uma alimentação variada para crianças, com a oferta adequada de nutrientes se torna uma tarefa difícil. São diversas recomendações para reduzir o consumo de açúcar, aumentar o consumo de hortifrutis e água. Mas torcem o nariz e dão preferência para pratos monocromáticos e pobres em nutrientes. É importante dizer para as crianças que é através da oferta variada e balanceada de nutrientes que se desenvolverão mentalmente e fisicamente. 

Os suplementos devem ser indicados com intenção de complementar uma dieta quando não houver a oferta adequada ou até mesmo para potencializar um nutriente às necessidades do indivíduo.

As recomendações são analisadas individualmente conforme a necessidade de cada pessoa, e o mesmo acontece para crianças. Pequenos que são mais ativos, ou atletas, podem ter necessidades específicas que não são atendidas somente através da alimentação, sendo necessária a prescrição de suplementos. 

Segundo a Sociedade de Pediatria de São Paulo, as crianças representam um grupo de grande vulnerabilidade para deficiências de macro e micronutrientes, em consequência do rápido crescimento e desenvolvimento. Assim, dependendo da dieta efetivamente ingerida, de seu ritmo de crescimento e de suas atividades, pode haver necessidade de suplementação. 

Quais são os suplementos mais indicados para as crianças?

Ômega 3

A suplementação de ômega 3  diversas vezes se faz necessária, já que a alimentação do brasileiro não possui grande oferta dietética. 

Diversos estudos demonstram que o DHA, componente presente no ômega 3, é uma gordura boa importante para a transmissão de sinais entre as células nervosas, contribuindo na melhora da aprendizagem, alfabetização e atenção

Quando a suplementação é iniciada ainda durante a gestação, as crianças apresentam melhor processamento mental, memória, aprendizado, desenvolvimento psicomotor, assim como menor incidência de déficit de atenção.

Vitamina D

Essencial para melhorar a absorção do cálcio nos ossos e dentes. Através da alimentação normalmente é possível atender somente 20% da recomendação diária, sendo a principal fonte, a exposição solar, mas que infelizmente por diversos motivos, não é realizada efetivamente. 

Um dos principais benefícios de suplementação da vitamina D na infância é para evitar o raquitismo, que é a fase avançada do estado de deficiência entre as crianças em crescimento. Para isso, recomenda-se a ingestão de pelo menos 400 UI / dia de vitamina D crianças e adolescentes.

Ferro

Atualmente 1 cada 3 crianças sofre com anemia.  A anemia por deficiência de ferro é a mais comum das carências nutricionais, com maior prevalência em crianças, principalmente nos países em desenvolvimento. 

Vitamina C

Vitamina muito importante, pois facilita a absorção do ferro dos alimentos, fortalece o sistema imunológico e contribui na cicatrização de feridas. A recomendação média diária varia conforme a idade e peso da criança. 

Multivitamínicos

Muitas vezes as crianças têm uma baixa ingestão de nutrientes, seja porque não possui oferta variada ou por restrição de paladar. Mas vitaminas e minerais são essenciais para o desenvolvimento físico, psíquico e imunológico. 

Vale lembrar!

Lembrando que essas são recomendações generalizadas, a suplementação deve ser sempre orientada por profissionais especializados após a realização de exames clínicos e laboratoriais. Doses complementares podem ser prescritas por nutricionistas e médicos, após avaliação individualizada de cada paciente, definindo a dose adequada e o tempo de uso. 

Referências:

http://residenciapediatrica.com.br/detalhes/118/adolescentes-%20esportes%20e%20suplementos-%20o%20que%20e%20verdade-

spsp.org.br/site/asp/boletins/AtualizeA4N5.pdf

abiad.org.br/

Priscila Gomes

Priscila Gomes é nutricionista registrada (CRN-3 29036) Graduada pelo Universidade Paulista. Atua na área de marketing nutricional e funcional na rede Mundo Verde, onde realiza treinamentos de capacitação para equipe de campo nos diferentes estados do Brasil, além do suporte nutricional atrelado a equipe de marketing da empresa.

Deixe uma resposta