Você sabia que a sua alimentação afeta seus hormônios?

Os hormônios controlam as muitas funções do corpo, como humor, energia, sono, metabolismo, comportamento social, sistema imunológico e inflamação. Portanto, manter os hormônios em equilíbrio é essencial não apenas para a saúde e reprodução sexual, mas para quase todas as funções. Hoje você vai conhecer alguns alimentos que são importantes para manter o equilíbrio hormonal.

1- Probióticos e prebióticos

A saúde do intestino tem um papel determinante na prevenção e recuperação de desequilíbrios hormonais. Além de ser importante para o reforço da imunidade e na absorção dos nutrientes vindos da refeição, o intestino é responsável pela maior produção da serotonina, cerca de 90% é produzida no intestino, e esta é conhecida como hormônio da felicidade, do humor e bem-estar. Então, consumir alimentos probióticos, como iogurte, kombucha e kefir, e alimentos prebióticos, como farinha de banana verde, psyllium e farelo de aveia, proporcionam o equilíbrio do intestino e dos hormônios.

2- Vegetais verdes escuros e raiz

Eles possuem quantidades de antioxidantes que tem efeito positivo para o equilíbrio hormonal, isso porque além dos inúmeros nutrientes, como vitaminas do complexo B, C, betacaroteno e minerais, estes alimentos também são reguladores naturais dos hormônios.

3- Castanha-do-Pará

Pertencente ao grupo das oleaginosas, a castanha-do-Pará ou também conhecida como castanha-do-brasil é rica em ômega 3 e selênio, este é um micronutriente muito importante para o bom funcionamento da tireoide, ajudando a regular a produção dos hormônios tireoidianos. Uma única porção de castanha-do-brasil possui a dose do nutriente recomendada ao dia.

4- Soja

Os grãos carregam isoflavona, substância que, no organismo, têm ação semelhante à do estrogênio, hormônio abundante nas mulheres e que também é encontrado em homens, mas em menores quantidades. Ele é aliado para mulheres no período da menopausa: trabalhos mostram que a soja alivia os sintomas causados pela queda abrupta nos níveis dos hormônios.

5- Abacate

O abacate é uma fruta com boas quantidades de ômega 3, nutrientes com propriedades antioxidantes que auxiliam no controle de colesterol, com o aumento dos níveis de colesterol “bom”, o HDL, no sangue.  Ele atua também de forma indireta, no aumento da testosterona e GH, favorecendo o aumento de massa muscular.

Importante lembrar que manter uma alimentação saudável é essencial para o bem-estar. Mas não somente isso. A construção de bons hábitos como, por exemplo, a prática de atividades físicas regulares, sono e manejo do estresse nos levam a ter uma boa qualidade de vida e nos auxiliam a produzir e a equilibrar os níveis de hormônios.

Referência:

Yang, J. Brazil nuts and associated health benefits: A review, Food Science e Technology, 2009.

Bello, ASM; Faller ALK. Nutrição e destoxificação: bases moleculares para as prática clínica. 1ªed. Rio de Janeiro: Rubio, 2016.

Oliveira AM; Souza GC. Nutrição em cardioendocrinologia. 1ªed. Rio de Janeiro: Rubio, 2018.

Receita:

Salada de Abacate

Ingredientes:

  • 2 maços de alface;
  • 1 xícara de brócolis cozidos;
  • 1 abacate avocado;
  • 4 colheres de sopa de azeite de oliva;
  • 2 colheres de sobremesa de mostarda Dijon;
  • Suco de 1 limão;
  • 1 dente de alho amassado;
  • 1 colher de chá de Sal do Himalaia Mundo Verde Seleção;
  • ½ copo de Mix de Nuts Mundo Verde Seleção;

Modo de preparo:

Primeiro, lave e corte a alface em fatias e coloque em uma tigela grande. Em seguida, adicione os brócolis al dente e reserve. Então, misture o abacate e o azeite no processador de alimentos e até formar um creme homogêneo. Depois, adicione os ingredientes restantes e processe novamente. Para finalizar, despeje esse molho por cima da salada. Toste o mix de nuts no forno ou no air fryer e sirva junto com a salada.

Deixe uma resposta