As mulheres possuem peculiaridades, construídas ao longo da história, as quais tornam necessária atenção diferenciada no cuidado com a saúde. A alimentação saudável é parte fundamental da saúde feminina, mas para isso é importante entender que o comer de forma saudável não significa fazer dietas restritas, mas ter uma alimentação que garanta nutrientes essenciais em todas as fases da vida da mulher.

Abaixo preparamos 4 dicas importantes de  como a alimentação pode auxiliar na melhoria da qualidade de vida e bem estar.

1 – Aumente o consumo de fibras

O intestino da mulher tende a ser mais preso  comparado ao dos homens e os motivos para que isso aconteça está na influência dos hormônios. Por exemplo, durante o período menstrual, é normal que aconteçam alterações no funcionamento do intestino. Os alimentos ricos em fibras contribuem para a prevenção da constipação, conhecido popularmente como prisão de ventre, e, além disso, uma dieta rica em fibras traz benefícios ainda a redução de colesterol e na perda de peso. Ter uma alimentação rica em frutas, legumes e verduras, além de sementes como a linhaça, semente de chia e a aveia pode ser uma boa estratégia para a saúde da mulher.

2 – Evite alimentos refinados e ricos em açúcar:

Os alimentos ricos em açúcar podem estar presentes nos carboidratos simples, ou seja, naqueles feitos com farinha branca, como a farinha de trigo utilizada em pães, bolos, inclusive os pré-prontos, biscoitos e massas diversas.  Estes, consumidos em excesso são perigosos por favorecerem a secreção de insulina no sangue, propiciando a compulsão alimentar e ainda podem ocasionar doenças como diabetes e problemas circulatórios. Por isso, uma dica é sempre optar pelos carboidratos integrais, como o arroz integral e pães integrais.

3-  Atenção a retenção de líquido

Algumas mulheres tem maior dificuldade de eliminar os líquidos do corpo, acumulando-os principalmente nas mãos, pernas e pés, principalmente durante a menopausa e o período pré-menstrual. Isso acontece devido às alterações hormonais que ocorrem no organismo durante estas épocas, por isso, é comum a sensação de ganho de peso. O inchaço também pode ser causado por uma baixa ingestão  de água e aumento de consumo de alimentos ricos em sódio e industrializados. Por isso, é importante ingerir no mínimo dois a três litros de água por dia, já que isto vai estimular a eliminação de toxinas do seu corpo e o bom funcionamento dos rins. Além de investir também em chás diuréticos que ajudam a impulsionar o corpo a eliminar a retenção de líquidos, ajudando a desinchar.

4 – Invista em alimentos com efeitos antioxidantes

Antioxidantes são substâncias que têm a capacidade de proteger as células contra os efeitos dos radicais livres produzidos pelo organismo, dessa forma eles agem na prevenção de algumas doenças prevalentes entre as mulheres, como osteopenia, osteoporose, alguns tipos de câncer, doenças cardiovasculares, aumento da imunidade e podem ser encontradas em frutas, legumes, verduras, sementes até em ervas e especiarias, como o cacau, a cúrcuma, chá verde, entre outros. E em formas de suplementos, como ômega-3, vitamina E, coenzima Q10, entre outros.

É importante entender que a alimentação é a base para que o nosso corpo funcione corretamente e aliado a outros hábitos saudáveis, como a prática de atividade física, controle do estresse e realização exames periodicamente é possível ter  gerar mais saúde e qualidade de vida.

Fonte: Amanda Peixoto – Nutricionista da Rede Mundo Verde.

Receita de Panqueca Funcional de Linhaça:

Ingredientes
1 ovo;
30 ml de água;
10 ml de creme de leite;
1 colher de sopa de farinha de linhaça dourada do Mundo Verde Seleção
1 pitada de sal;
1 colher de chá de semente de chia do Mundo Verde Seleção.

Massa
1 Em uma vasilha coloque ovo, água, creme de leite. Misture.
Acrescente a farinha de linhaça, sal e semente de chia e mexa bem.
3 Aqueça a frigideira e coloque a massa.
Para virar de um lado para outro, e pronto já pode ser consumido.

Sugestão de Recheio: Você pode rechear com 1 fatia de queijo branco ou ricota com tomate picado e orégano, ou frango desfiado com ricota. Use e abuse de sua criatividade!

Referência:

Setor de Alimentação e Nutrição/ Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis/ UNIRIO. Boletim nº6. Março/2021.

BRASIL. Ministério da Saúde. Protocolos da Atenção Básica: Saúde das Mulheres. Brasília: Ministério da Saúde, 2015. Versão preliminar.

Deixe uma resposta