Quando a gente fica doente não falta quem diga que estamos com o sistema imunológico baixo. Mas afinal o que é sistema imunológico? É um conjunto de barreiras compostas por diferentes tipos de células. Este sistema é responsável por nos proteger a todo o momento contra o ataque de vírus, bactérias, fungos ou qualquer outro invasor.
Algumas de nossas defesas são a pele, o muco presente nas mucosas, a saliva, a lágrima, as enzimas, como as do estômago que acidificam o meio e impedem a proliferação de microrganismos que prejudicam a saúde, a flora, que é um conjunto de microrganismos bons que nos protegem e células como leucócitos e linfócitos.
Confira alguns alimentos que ajudam a manter nosso sistema de defesa forte.
Mel
Possui ação bactericida, antiinflamatória e anti-séptica. É um bom coadjuvante no tratamento de problemas pulmonares e da garganta. Contém substâncias, que agem como antibióticos naturais. Não deve ser fervido para que não perca suas propriedades. Pode ser consumido puro, em sucos, vitaminas e frutas.
Pólen
O pólen apícola é coletado das plantas pelas abelhas, que fazem seu transporte. Ao misturar-se com a saliva das abelhas, o pólen é enriquecido com enzimas e vitaminas.
É rico em proteínas, vitaminas e minerais que ajudam na formação de anticorpos, fortalecendo o sistema imunológico. Pode ser consumido puro ou adicionado em diversos alimentos, como sucos, iogurtes, vitaminas, frutas saladas, no preparo de pães, bolos e cookies.
Goji Berry
É uma fruta vermelha, originária da China e do Tibete, usada há milhares de anos na Medicina Tradicional Chinesa.
Devido a uma grande quantidade de antioxidantes, possui efeito protetor contra doenças cardiovasculares e inflamatórias, estimula o sistema imunológico e tem propriedades protetoras contra diversos tipos de câncer. É considerada uma fruta aliada da longevidade.
Spirulina
Fortalece a imunidade por possuir proteínas que são utilizadas como substrato pelo sistema imunológico que contribuem para formação de anticorpos, além de possuir vitamina A e carotenoides, que são importantes para a secreção e a proliferação de linfócitos (células de defesa).
Óleo de alho
Fonte de alicina, componente biológico mais ativo no alho. A alicina tem uma forte atividade antibacteriana, antifúngica, antiparasitária contra uma vasta gama de microrganismos e também atua na redução do colesterol e da pressão sanguínea.
Para obter todos os benefícios do alho, ele deve ser consumido cru e amassado ou picado para que haja a liberação de suas susbtâncias benéficas. Pode ser amassado no feijão, sopas, em temperos de saladas ou se preferir pode optar pelas cápsulas de óleo de alho.
Chá verde
Ricos em catequina e epicatequina, poderosos antioxidantes que atuam no combate aos radicais livres. Possui ação imunoestimulante, fortalecendo o sistema imunológico. Recomenda-se consumir 3 xícaras do chá ao dia, na versão em cápsulas deve-se seguir as instruções de uso do fabricante do produto.
Oleaginosas
São fonte de gorduras boas, monoinsaturadas e as poliinsaturadas, que auxiliam na diminuição do colesterol ruim (LDL) e contribuem para melhorar os níveis do colesterol bom (HDL), além de possuir efeito anti-inflamatório. Possuem selênio, zinco, cobre, manganês, cálcio e vitamina E, fortalecendo o sistema imunológico e combatendo os radicais livres.
Óleo de coco
Fortalece o sistema imunológico, pois apresenta alta concentração de ácido láurico, o mesmo presente no leite materno, possibilitando dessa forma o combate às infecções bacterianas, virais e fúngicas. Auxilia também na regulação da função intestinal, ajuda a eliminar as bactérias patogênicas do intestino, favorecendo o crescimento da flora intestinal.
São tantas opções que você pode escolher por onde começar. Então comece logo!
FONTE: Nutricionista Jaqueline Fagundes

Deixe uma resposta