Sabe aquela ideia ultrapassada de que “tudo que faz bem não é gostoso”? A cada dia que passa os nossos super alimentos vêm provando que é possível ser bom para a saúde e também para o paladar.
O cacau é um ótimo exemplo! Tão amado pelo seu sabor marcante e inconfundível, ele pode trazer benefícios que vão desde a melhora no humor até a proteção do sistema cardiovascular.
É um alimento que contém mais de 700 compostos conhecidos e, em particular, os antioxidantes, que são produzidos pela planta. Nos humanos, esses antioxidantes são capazes de combater os radicais livres, capazes de levar a célula a um envelhecimento precoce e diversas doenças. Os principais antioxidantes presentes no cacau são os polifenóis, também encontrados no vinho e chá vermelho, e vêm sendo investigados pelos seus benefícios à saúde do coração.
Os polifenóis podem proteger o coração de duas formas: redução do colesterol LDL, o mau colesterol, que vem sendo associado ao maior risco de ataques cardíacos. Outra forma é impedindo a aglomeração de plaquetas, reduzindo risco de aterosclerose. Estudos mostram que o consumo crônico de cacau em pequenas quantidades também pode ajudar a reduzir a pressão arterial e melhorar a função global de veias e artérias.
O consumo de cacau também está associado à melhora no humor, já que estimula a produção de substâncias relacionadas ao bem estar, como a serotonina e a dopamina. Por este motivo, auxilia as mulheres na melhora de um dos sintomas mais conhecidos da TPM: o mau humor.
As metilxantinas (cafeína e teobromina) também são substâncias presentes nesse alimento. A quantidade de cafeína presente no cacau é inferior ao café e a teobromina apresenta-se em maior quantidade, sendo que esta possui efeito estimulante inferior ao da cafeína. Essas duas substâncias estimulam o sistema nervoso central, sistema cardiovascular, além do potencial efeito diurético.
Outros estudos mostraram a associação do consumo do chocolate amargo com a redução nos fatores de risco para o diabetes e resistência à insulina (hormônio responsável por enviar glicose para dentro das células).
Importante lembrar que chocolates com maior teor de cacau e o cacau em pó são os mais recomendados, pois além de possuírem mais compostos antioxidantes, são pobres em açúcares e gorduras, favorecendo assim os benefícios proporcionados pelo consumo desse alimento tão poderoso.
 
Fonte: Nutricionista Priscila Teles

Deixe uma resposta